17 de abril de 2015

Não ajuda? Então, não julga…

Nos últimos anos, parece que estamos vivendo na ditadura do julgamento alheio, o que é desnecessário. Cada vez mais as pessoas se preocupam com as ações de outras e isso simplesmente não influi em nada na sua própria vida.
Às vezes, alguém precisa tomar uma decisão difícil, como se mudar da cidade onde os pais idosos moram, para ter um emprego melhor e assim poder sustentar mais dignamente seus pais. Quem está de fora [e não move um dedo para ajudar] acha que a pessoa está abandonando os pais, mesmo tendo sido tomada essa decisão para melhorar o modo de vida da família.
No ambiente de trabalho também vemos muito disso. Muitos gastam parte do tempo que poderiam estar aprimorando o próprio trabalho, para criticar o trabalho dos outros. Acredito que a melhor maneira de mostrar seu bom trabalho é procurar se esforçar para melhorar cada dia mais, além de ter a bondade de auxiliar os novos colegas de trabalho ou os que estão com dificuldade em alguma coisa.
Então me pergunto: Qual é a dificuldade em parar da falar mal dos outros e fazer sua parte?

Se você não tem algo bom para falar, então…